Enquanto Marca

Posted on Julho 5, 2013. Filed under: Inspiração | Etiquetas:, , , , , |


IMG_8312_9“Concebi-te enquanto Marca num devaneio feliz. Desde o primeiro rascunho, à primeira ideia, à primeira certeza de que serias a menina dos meus olhos. Enquanto Marca, mimei-te de cuidados e fiz-te forte e saudável, incólume às outras marcas que se passeavam nos jornais a fazer juras de autenticidade.

Um dia peguei em ti e desenhei-te numa folha de papel quadriculada. A folha tinha cem quadrados e em cada um deles verti um pouco de ti. A lembrança do primeiro cliente aqui, a emoção da primeira grande conquista acolá, a forma especial como me dizes que estou errado um pouco mais abaixo.

E assim te espalhei, enquanto Marca, repartindo as tuas diferenças sobre quadradinhos iguais. Deu-me prazer explorar-te por dentro, compreender porque muitas vezes eras incompreendida, e o quanto custa fazer-te crescer contra tudo e contra todos.

Conforme passava o tempo, mais difícil se tornava encaixar-te nos quadradinhos que faltavam. Eras demasiado imensa, complexa, imprevisível. Tive consciência de que o resultado final te confinava a um espaço exíguo, que o destino se encarregaria de corrigir.

Eras demasiado complexa para seres definida a régua e esquadro.

Ao nonagésimo nono quadradinho, reparei que tinha nas mãos duas pétalas de ti para encaixar num único quadrado. Estavas concebida para cem quadrados, não para cento e um. Senti-me confuso da tua essência, enquanto Marca.

Apercebendo-me que falhara nos meus intentos, levei-te a um sábio como já não se fazem hoje. Disse-lhe:

– Meu amigo… há tanto tempo que não estávamos juntos! Quis o destino que te trouxesse algo que não consigo compreender. Tens um raciocínio cristalino, imaculado, branco de perfeição. És o único que conheço que me pode ajudar.

– Nem sempre os números são sinceros, meu velho companheiro… Por vezes as respostas que procuro são facilmente encontradas… por outros que não eu, que leram outros livros que eu não li e pisaram caminhos que não trilhei. Mas diz-me: em que posso ajudar?

Expus-lhe o problema calmamente. E ele pensou, pensou, e voltou a pensar. Por fim perguntou:

– E quais foram os dois elementos que não conseguiste colocar na tua folha?

– O meu amor e o meu sangue – respondi.

– O teu amor e o teu sangue… – pensou o sábio.

Então, sem revelar as equações que o levaram ao resultado, afirmou:

– No último quadrado coloca o teu sangue. Vai. O teu problema está resolvido.

Cheguei a casa e fiz o que o meu amigo de longa data me tinha aconselhado. Coloquei o meu sangue no centésimo quadradinho da folha. E o meu amor, depositei-o num cantinho de mim, algures entre a audácia e a cobardia.”

O que faria o leitor com a sua Marca? Seguiria o conselho do sábio? Faria diferente?

Há um maravilhoso mundo novo por descobrir no marketing moderno. Saiba o que as emoções, o Brand Attachment e o amor podem fazer pela sua marca, no Workshop “Comportamento do Consumidor: 10 Ferramentas para o sucesso“, já dias 10 (1ª parte) e 11 (2ª parte) de Julho, em Gaia. Organização: Portal do Sucesso.

Make a Comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

4 Respostas to “Enquanto Marca”

RSS Feed for Consumer Behavior Portugal Comments RSS Feed

Adorei a abordagem… Excelente artigo, Francisco!

Olá, muito obrigado pelas suas palavras!
🙂

Francisco, ainda não tinha tido a oportunidade de o dizer: que lindo texto!

O meu preferido de todos os artigos que já li no Consumer Behaviour; por lhe teres tirado a tecnicidade e lhe teres acrescentado a beleza e vulnerabilidade que só o Amor pode ter.

Muito bom! 🙂

Obrigado Yonara the untalented Mr John Doe Mateus!

🙂


Where's The Comment Form?

  • Categorias

  • Arquivos

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...

%d bloggers like this: